08/06/2021 às 12:22
Segurança


FBI rastreia bitcoin e recupera US$ 2,3 milhões pagos aos hackers nos EUA
Convergência Digital

Seguir o dinheiro onde ele estiver. Assim o Departamento de Justiça dos EUA anunciou a apreensão de 63,7 bitcoins, avaliados atualmente em aproximadamente US$ 2,3 milhões.Esses fundos supostamente representam os rendimentos de um pagamento de resgate feito em 8 de maio aos operadores do DarkSide, que havia atingido com ataque de ransomware a Colonial Pipeline. No total, a Colonial pagou US$ 4,4 milhões de resgate.

“Seguir o dinheiro continua sendo uma das ferramentas mais básicas e poderosas que temos”, disse a procuradora-geral adjunta Lisa O. Monaco. A executiva aproveitou para criticar as empresas. “Os pagamentos de resgate são o combustível que impulsiona o mecanismo de extorsão digital", reforçou. E cobrou que para ter resultados, as empresas atacadas precisam falar com a polícia. "Os anúncios de hoje demonstram o valor da notificação antecipada às autoridades policiais; agradecemos à Colonial Pipeline por notificar rapidamente o FBI quando souberam que eram alvos do DarkSide”.

A procuradora em exercício do Distrito Norte da Califórnia, Stephanie Hinds, lembra que os cibercriminosos estão empregando esquemas cada vez mais elaborados para converter tecnologia em ferramentas de extorsão digital. “Precisamos continuar melhorando a resiliência cibernética de nossa infraestrutura crítica em todo o país, incluindo o Distrito Norte da Califórnia. Também continuaremos desenvolvendo métodos avançados para melhorar nossa capacidade de rastrear e recuperar pagamentos de resgate digital", completou.

*Com agências internacionais


Powered by Publique!