Clicky

Home - Convergência Digital

Inter fecha parceria MVNO com a Vivo atenta ao mercado pré-pago de voz e dados

Convergência Digital* - 14/01/2021

O Inter, ex-banco e, agora, denominada plataforma de serviços digitais e que soma mais de 8,5 milhões de clientes, fechou uma parceria MVNO Credenciada com a Vivo para a prestação de serviços de telefonia móvel da Intercel, linha de planos de dados e voz oferecida pela plataforma digital. Após o credenciamento pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a venda dos novos planos aos clientes tem previsão para o segundo semestre, até que se finalizem todos os protocolos e testes para funcionamento.

Como operadora credenciada pela Anatel, os clientes utilizarão a infraestrutura de rede da Vivo, presente em mais de 4,5 mil municípios do Brasil. Com a oferta de planos, o Inter tem como objetivo ser uma plataforma de serviços cada vez mais completa, indo além dos produtos financeiros e atendendo os clientes de ponta a ponta para simplificar o dia a dia.

"Lançamos a Intercel em versão beta e houve um grande interesse por parte de nossos clientes. Para ampliar a oferta desse serviço, optamos pela Vivo, que é a maior operadora do país, e vai garantir a melhor experiência para os clientes Inter", diz João Vitor Menin, CEO do Inter.

"Temos a maior rede de internet móvel do Brasil e cobrimos cerca de 90% da população com a tecnologia 4G. E já começamos a operar com o 5G DSS em oito capitais. Seguimos criando a infraestrutura que o país precisa para levar as melhores tecnologias de conexão móvel e fixa aos nossos clientes", explica o diretor de Atacado da Vivo, Leo Petersen.

Com mais de 8,5 milhões de clientes, o Inter conta com uma carteira de crédito ampliada de R$ 7,3 bilhões, patrimônio líquido de R$ 3,3 bilhões e R$ 16,5 bilhões de ativos totais.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

02/08/2021
ex-CIO da Vivo assume o comando da Fibrasil, empresa de fibra ótica

28/07/2021
Vivo: Com Fibrasil, tele vai às compras para engolir provedores pelo caminho

27/07/2021
Na 'guerra' da fibra ótica, Vivo lucra R$ 1,3 bilhão no 2º trimestre

16/07/2021
Justiça reverte decisão e isenta Vivo em clonagem de WhatsApp

14/07/2021
Rede Neutra:Contrato de dez anos entre Vivo e FiBrasil é de R$ 15,3 bilhões

12/07/2021
Vivo tem meta que sua cadeia de fornecedores seja net zero até 2040

23/06/2021
Vivo é a operadora mais bem colocada em ranking de ESG do Brasil

09/06/2021
Vikstar/Telefónica: Funcionários denunciam quebra de acordo de demissão

08/06/2021
Pernambucanas investe em chip próprio de telefonia móvel

07/06/2021
Com ajuda da IA, Vivo quer recondicionar 1,5 milhão de modems e decodificadores até dezembro

Destaques
Destaques

5G vai gerar até US$ 5 trilhões ao PIB mundial

Em 2020, em plena pandemia, as tecnologias e serviços móveis contribuíram com US$ 4,4 trilhões do PIB global, um incremento de pouco mais de 7% em relação a 2019, revela a GSMA.

Open RAN é para 5G senão vai ter muita confusão entre fornecedores

Há uma determinação que Open RAN é release 16, então o Open RAN não será para o 4G, sustenta o head de tecnologia da Nokia para América Latina, Wilson Cardoso. "Um bite errado, simplesmente não vai funcionar", adverte.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

A estrada de tijolos amarelos do 5G

Por Paulo Souza*

Com o 5G surgem novas dinâmicas de mercado e novos modelos de negócio habilitados pela tecnologia. E este momento é crucial para se preparar para o que vem pela frente.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site