Clicky

GOVERNO

Sem justificativa, Ceitec demite porta voz dos servidores contra liquidação

Luís Osvaldo Grossmann ... 19/04/2021 ... Convergência Digital

Sem aviso, e sem apresentar justificativa, o Centro Nacional de Tecnologia Eletrônica Avançada, Ceitec, publicou nesta segunda, 19/4, a primeira demissão efetiva. E o alvo foi o principal opositor do fechamento da empresa, o engenheiro Julio Leão. 

O ato, publicado no Diário Oficial da União desta segunda, traz um segundo nome, mas de uma servidora que já tinha deixado efetivamente a estatal há mais de dois anos. Antes disso, uma única demissão, esta por justa causa, já tinha sido publicada durante o processo de liquidação. 

Esse ato não traz qualquer detalhe sobre os motivos da exoneração, além de ser assinado pelo capitão de fragata reformado Abilio Andrade Neto, que é o liquidante nomeado do Ceitec. Mas a dúvida sobre as demissões também se dá pelo fato de que não existe sequer um plano de liquidação aprovado. 

“Como sou servidor concursado e não existe um processo administrativo para minha exoneração, assim como sequer o plano de liquidação foi aprovado, parece retaliação”, afirma o engenheiro Julio Leão, porta voz da Associação dos Colaboradores do Ceitec (Acceitec) e face mais visível da resistência dos funcionários contra o fechamento da estatal do chip. 

Procurada, a direção do Ceitec não respondeu aos pedidos de informações sobre o ato publicado nesta segunda. Tampouco respondeu o Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovações, pasta a qual o Ceitec é ligado. Igualmente não foi esclarecido se a promessa de criação de uma Organização Social para absorver os pesquisadores foi descartada, apesar de prevista em Decreto

A falta de um plano de liquidação foi admitida pelo próprio Ceitec na semana passada, quando informou ter encaminhado uma proposta para o Ministério da Economia, mas ainda sem resposta sobre sua validação. A pasta, no entanto, já divulgou que gostaria de ver a estatal encerrada em 12 meses. 

Vale lembrar, porém, que números do próprio governo apontam que desmontar o Ceitec – que vai exigir o descomissionamento de sala-limpa, químicos, etc – tem custo maior que manter a estatal por mais quatro anos, quando as projeções indicam que a empresa passaria a operar no azul. 

Com pós-doutorado na U.C. Berkeley (EUA), PhD no IMEC (Bélgica), mestrado em Computação e Engenheiro pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Julio Leão tem 2,5 mil citações e sete patentes. 


Dataprev fica com o Ministério da Economia, mas ainda é do INSS

Para o secretário-executivo do recriado ministério do Trabalho e Previdência, Bruno Bianco, manter estatal sob o comando do ministro Paulo Guedes não tem relação com a possível privatização: “Empresa é fundamental para outros serviços.”

Venda do Serpro traz insegurança jurídica e uso indevido de dados

Análise da Data Privacy Brasil aponta para necessidade de envolvimento da ANPD e ausência de exemplo internacional que justifique a privatização da empresa de TI do governo. 

Serviços digitais: RS lidera oferta. São Paulo e Rio decepcionam. DF não manda dados

Bahia, Paraná e Paraíba também se destacaram no Índice de Oferta de Serviços Públicos Digitais dos Governos Estaduais e Distrital, organizado pela ABEP-TIC.

Salvador é a sétima capital a aderir ao Gov.br

Plataforma dispõe de uma rede para impulsionar e integrar as iniciativas por um governo 100% digital. Distrito Federal, 12 estados e 42 municípios já aderiram.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G