Clicky

Convergência Digital - Home

Accenture elege AWS para desenvolver plataforma para carros elétricos

Convergência Digital
Convergência Digital* - 22/12/2020

O aparecimento de fontes de energia renováveis, a digitalização, descentralização e consumerização da energia exigem o uso da computação em nuvem e a AWS  fornece as ferramentas para que as empresas de energia elétrica e serviços públicos possam conhecer novos modelos de negócios, fornecer energia de maneira mais confiável e implementar uma rede elétrica mais inteligente e mais distribuída. E como endereçar o crescente consumo mundial de energia e água foi um dos temas abordados na edição 2020 do AWS re:Invent. A AWS enfatizou que com a adoção de tecnologias empresas de energia e serviços públicos têm a base para transformar negócios complexos e sistemas operacionais e acelerar a transição para um futuro de água e energia mais sustentável e descarbonizado.

Clientes e parceiros — tais como Accenture, AutoGrid, Octopus Energy, Origin Energy, Portland General Electric, San Diego Gas & Electric, Siemens Energy, entre outros — apontaram maneiras sobre como potencializar a transformação digital e a inovação nos serviços públicos. Um dos exemplos foi a palestra que mostrou como a Accenture desenvolveu uma plataforma focada em veículos elétricos (roaming EV) com AWS Connected Vehicle Solution, AWS IoT Greengrass, Amazon Kinesis Data Analytics. O objetivo foi mostrar como solucionar os desafios que os proprietários de veículos elétricos enfrentam da infraestrutura de carregamento fragmentada e da integridade da bateria incerta. 

A Phillips 66 falou sobre transformação seus negócios usando SAP em AWS. A companhia embarcou em uma jornada para transformar sua cadeia de valor de hidrocarbonetos com a nova plataforma S/4HANA da SAP, em parceria com AWS, SAP, Accenture e SUSE para entregar valor de negócios em toda a organização. Duas das três fases principais já estão concluídas.

A visão inteligente para operações industriais preditivas e preventivas também foi tema no evento, em palestra com o case da ConocoPhillips, que mostrou como instalações e ativos industriais podem ser complexos, antigos e o custo do erro pode ser extremamente alto — casos nos quais a necessidade de transformação digital industrial não pode ser subestimada. Com a IoT e o aprendizado de máquina, os clientes industriais podem combinar dados de máquina, fábrica ou uma rede para melhorar o desempenho e a eficiência, identificando problemas de maneira remota e proativa antes que eles aconteçam. 

O AWS re:Invent também foi o momento de a companhia abordar os benefícios que a adoção de medidores inteligentes pode ter para as concessionárias. Mudar o foco de apenas usar dados para o faturamento e não ignorar o restante é fundamental para as utilities fazerem melhor uso da tecnologia.Um exemplo de experiência de clientes foi mostrado por uma das maiores empresas de energia da Austrália.

Atendendo a 4 milhões de clientes, a Origin está focada em fornecer aos clientes energia acessível, confiável e sustentável, bem como excelente experiência do cliente. Ao implantar Amazon Connect, a Origin teve como objetivo potencializar a transformação da experiência do cliente, que aumentou as pontuações de qualidade das chamadas, melhorou a satisfação e aumentou a produtividade do agente. Já a inglesa Octopus Energy, uma empresa de serviços públicos, compartilhou como potencializou dados específicos de domínio para treinar um modelo de linguagem personalizado que é ajustado para suas necessidades de negócios e casos de uso específicos.


Destaques
Destaques

TIM elege a nuvem e mira não ter mais datacenter em 2023

Ao assumir estar no meio de uma jornada para ser uma operadora 100% baseada em dados, a CIO da TIM Brasil, Auana Mattar, conta como é trabalhar com três provedores: Google, Microsoft e Oracle. Ao participar do SAS Telco Summit 2021, a executiva observou: é importante estudar as aplicações e como elas se comunicam antes de migrá-las para computação em nuvem.

Inteligência Artificial: Com estratégia certa, impacto de quatro pontos no PIB do Brasil até 2030

A inteligência artificial exige que se forme e qualifique profissionais no país, advertem especialistas. Para eles, a IA evoluiu e já passou da etapa de experimentação pra uso industrial. Para Fábio Cozman, da USP, a IA leva o país para a Sociedade 5.0, quando máquinas e seres humanos vão interagir de forma harmoniosa.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como ter nuvem sem reescrever sistemas e adequada à LGPD

Por Marco Wenna*

Como auditar e reescrever linhas de código em tempo hábil para essas migrações para a nuvem a um custo factível para que todas as linhas de código estejam em conformidade com a Lei Geral de Proteção a Dado? Esse é um desafio presente.

Serviços SaaS, proteção de dados e a LGPD

Por Eder Miranda*

Ter um plano abrangente de proteção adicional de dados para as plataformas SaaS é vital para os negócios, uma vez que as empresas não podem abrir sem ter o controle sobre o que está sendo protegido e sobre a maneira como isso está sendo feito pelos fornecedores de software como serviço.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site